Nossa Senhora de Fatima

 

Histórico  – Constituição da Comunidade

Conforme ata, a primeira reunião para estudos e passos iniciais da constituição desta Comunidade Católica data de  22 de junho de 1974.

A partir desta data houveram encontros mensais com pessoas cujas famílias já moravam mais tempo na região.

Já na 1ª reunião (22/06/74) houve escolha de uma Comissão Provisória que conduziria os trabalhos até a eleição da Primeira Diretoria que ocorreu em 02 de julho de 1974, sendo o Sr. Ambrósio Mafra eleito como Presidente e o Sr. Olavo Scheidt como vice. Os demais membros da comissão foram todos empossados nesta reunião.

O pároco da Paróquia S. L. Gonzaga era o Pe Henrique Boing que deu total apoio à constituição desta comunidade.

Nas reuniões seguintes definiu-se qual terreno mais apropriado para a construção da capela e a compra do mesmo.

Desde 1974 até que a capela estivesse apta para as primeiras celebrações, as missas dominicais eram celebradas na escola D. João Becker ou no SESI, sendo presididas pelo Pe Valberto Dirksen.

Construção da Capela

Com o local definido, em 1975 iniciou-se o processo para a  construção da capela, cujo modelo veio da Cúria e a planta foi graciosamente elaborada pelo engenheiro Orlando Schaeffer.  Com a documentação aprovada, em 09 de maio de l977 foi lançada a pedra fundamental.

Iniciada a construção e em meio ao precário espaço interno já se iniciou a celebração das missas dominicais.

A inauguração ocorreu no ano de l98l.

Padroeira / Descendentes.

Ter  Nossa Senhora de Fátima  como padroeira da capela foi uma indicação de famílias dos primeiros imigrantes, vindas de São Pedro de Alcântara (Fredolino Arnoldo Schmitz e Matilde Gorges e Francisco Salm e Maria Schmitz). As famílias Schmitz e Salm, descendentes de alemães, trouxeram a devoção a Nossa Senhora de Fatima visto que na localidade de origem destas, Nossa Senhora era venerada sob este título. O que foi acatado pela diretoria da época.

Inclusive estas famílias compraram a imagem que, no inicio, ficava nas casas.

Alem dos imigrantes alemães vieram também os italianos, principalmente, de Botuverá e de Nova Trento. Atualmente pode-se afirmar que há uma convivência harmoniosa entre todos.

Atividades e serviços

A  Comunidade cresceu e se desenvolveu mui rapidamente.  O Conselho Pastoral da Comunidade  –  CPC  –  foi formalizado apenas no ano de 1996.  Na época, além do atual Conselho administrativo, integraram o CPC, a Catequese, a Liturgia,  a Caridade Social e o Dízimo. Todas as demais “Forças Vivas” , atuais, foram se integrando  a medida que houve necessidade e espaço para  sua atuação.

 

Atendimento 

(47)3351-3249

nossasenhoradefatima.maluche@gmail.com

Segundas feira – 08 às 12hs  e  14 às 18hs.

Terças às sextas feiras – somente das 08 às 12hs.

Sábados: fechado

Horários de celebrações

 

 19:00 – Sextas feiras

18:00 – Sabados

09:00 – Domingos

19:00 – Todo dia 13 de cada mês(caso caia no sábado ou domingo segue o horário normal)

 

Atendimento aos dizimistas

Além dos dias e horários  acima   mencionados o dizimista  poderá  efetuar  sua oferta,  aos sábados,  no horário das  17:00 às 19:00 e, aos domingos,  no horário das 08:00 às 10:00hs.

Pastorais e Movimentos

  • Pastoral da Catequese
  • Dízimo
  • Liturgia
  • Saúde e dos Enfermos
  • Batismo
  • Caridade Social
  • Acolhida
  • Coroinhas
  • Missionária
  • Mãe Peregrina
  • Apostolado da Oração
  • OVISA
  • Pascom
  • RCC
  • GBF
  • Terço dos Homens
  • Grupo do Terço (18:30hs)
  • Grupo de  Intercessão
  • Clube do Idoso 13 de Maio
  • Clube de Mães
  • Ministros da Comunhão